Páginas

sexta-feira, 1 de junho de 2012

Saudade...

Um sentimento muito louco, que chega derrepente e dá um aperto no peito...
Mais como definir exatamente a tal da saudade?

Eu prefiro não tentar, mais quando ela vem eu prefiro só lembrar... aquele dia, nós na sala fazendo cócegas um no outro, rindo horrores, e depois um beijo pra calar os dois...
É, mais não é um sentimento de despedida, de perda, jamais! É simplesmente o fato de sermos tão felizes juntos, de querermos tanto estarmos sempre um ao lado do outro e não podermos, não hoje, não amanhã ou essa semana, talvez um dia somente, mas ela vem, ela sempre vem, a tal da saudade...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Espalhe por aí