Páginas

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Esperar..



"Mas esperança que se vê não é esperança. Como alguém espera aquilo que vê?. Mas se esperarmos o que não vemos, o aguardamos com paciência". Romanos 8: 24,25.

Esses dias Deus falado muito comigo a respeito de esperar.
Bom, esperar no dicionário significa:

1 Ter esperança em, estar à espera de, contar com: É insensato esperar gratidão.2 Aguardar. 3 Estar na expectativa.  Contar, obter; ter como certo ou muito provável conseguir. 5 Confiar no auxílio ou proteção:Em Deus espera minha alma. 

Enfim, há muitas maneira de esperar, e coloquei aí algumas frases que me chamaram atenção. A primeira é É insensato esperar gratidão.
Eu já comentei a respeito no texto Respostas, falei sobre criar expectativas em cima de pessoas, e é exatamente isso que essa frase de exemplo do dicionário está dizendo. Quando fazemos algo esperando gratidão ou criando expectativas em alguém, sejam elas de gratidão ou ajuda, enfim, qualquer tipo de expectativa, o certo é que nos decepcionaremos, infelizmente é a realidade mais certa.
Porém a Bíblia diz para esperar, então, como esperar?

Primeiro vamos começar do início do versículo, esperança que se vê não é esperança, como alguém espera aquilo que vê.
Bom, isso é fato, quando se espera algo é porque ainda não vimos, mais temos esperança de ver, de que se realize o esperado, de que aconteça aquilo que se espera.
Esperar exige paciência de quem espera, pois é um ato de aguardar, de não agir, mais de querer que algo aconteça.
Nesse momento, é que devemos depositar nossa expectativa em Deus e na Sua vontade. Quando esperamos no homem no decepcionamos simplesmente porque o ser humano é muito diferente um do outro e todos temos falhas, nem sempre as coisas acontecem como queremos que aconteça.
Por isso, esperar é uma forma de agir aguardando, mais da maneira certa, esperando em Deus, que Ele sim, tem tudo o que precisamos e tem o melhor para nós.

A palavra diz para não nos ansiarmos pelo dia de amanhã pois o mesmo pertence a Deus, ou seja, esperar sem ansiedade, mais com paciência como no versículo acima e entregarmos o amanhã e todo nosso futuro nas mãos daquele que que é Onipotente, Onipresente e Onisciente!

Ter esperança não como dizem no ditado popular: "A esperança é a última que morre", mais tendo a certeza que a nossa Esperança já morreu e ressuscitou ao terceiro dia e hoje vive a direita do Pai e nunca mais morrerá mais intercederá ao Pai pelas nossas vidas a cada momento.

Abaixo algumas palavras das muitas que falam a respeito de esperar para que possamos refletir no que O Pai quer de nós.

Lamentações 3:26
Salmos 39:7
Hebreus 6:15
Salmos 71:14
Daniel 12:12
1 Tessalonicenses 1:10
Provérbios 26:12, Lucas 6:35

Foto tirada do blog http://expressaoeatitude.spaceblog.com.br/1776569/Melhor-Esperar/





segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Vida ONline


Esse final de semana fiquei sabendo de notícias polêmicas, que me causaram vontade de comentar a respeito.
Comentários a respeito do meu comportamento e a minha frequência em um dos maiores sites de relacionamento, o facebook.
Bom, normalmente eu ouço comentários a meu respeito, absorvo o que me convém e me faz crescer e descarto o que não me interessa, sem reações a respeito.
Mas esse em especial me fez pensar e querer usar meu direito de resposta, não para criar polêmica inútil, nem porque me acho certa ou errada, mais para discutir o assunto, argumentar, e saber opiniões, afinal, para fazer um comentário afirmativo a respeito de algo é necessário pelo menos conhecer sobre o assunto.

Bom, eu fiz login e postei o seguinte:

Bom dia pessoas!

Já começando bem o dia quero deixar um recado ás críticas, que andam dizendo que eu fico o dia inteiro no facebook. Bom, usando meu direito de resposta quero dizer aos meus amados, eu fico mesmo! Porém existem outros sites na qual eu me informo e me mantenho atualizada ao mercado de trabalho, pois estou em busca de recolocação profissional e não fico o tempo inteiro no computador, pois tenho afazeres domésticos, afinal, eu ainda não sou rica amores.
Há alguns que podem dizer também que eu não devo satisfações, concordo amigos, porém, eu não gosto de fazer comentários maldosos nem que façam ao meu respeito, então acho muito melhor esclarecer as coisas desta forma ;)
Quem não se mantém atualizado e online hoje em dia tem muito menos chance de ser uma pessoa bem sucedida e enquanto eu posso, estou a disposição dos meus amores (amigos e irmãos) para quando precisarem de mim terem total acesso sem restrições.
As ferramentas de comunicação hoje em dia não são apenas para o uso do lazer e diversão, são também meios de encontrar oportunidades para diversas áreas, meios de divulgação de uma ideia ou produto, enfim, há diversas utilidades para o facebook e outros sites de relacionamento.
Enfim, é isso meus amados, eu amo a todos e desejo-lhes que Deus os abençoe de coração.

Aquele abraço, precisando é só me chamar, estarei online!

Isso rendeu muitos comentários, nenhum descordando do conteúdo, algumas pessoas se identificaram, outras se indignaram, disseram que a pagina é minha e a internet sou eu que pago, enfim, eu gostei de ver a reação das pessoas, isso me fez pensar a respeito de como cada um interpreta aquilo que vê.
A internet oferece inúmeras ferramentas de pesquisa e conteúdos de todas as formas possíveis para leitura, visão, aprendizado, lazer, enfim, para tudo o que pudermos imaginar.
E o modo com que cada um vê aquilo que fazemos é indispensável para formar opiniões uns com os outros, criar conceitos e analisar valores.

Deixando de lado essa parte analítica do das pessoas, enfatizando o assunto “A Camila fica o dia inteiro online no facebook", eu só tenho uma coisa a dizer: é verdade!
E além de tudo o que eu já postei acima, quero acrescentar mais algumas coisas. Eu tenho algumas ferramentas para manter contatos, pessoais e profissionais, sendo alguns deles: facebook, linkedin, messenger, skype, e-mail, enfim, todos estes exigem uma conexão com a internet em um computador para funcionarem corretamente.
Esclarecendo também que eu tenho sim vida social, tenho amigos de carne e osso e posso abraçá-los, tenho afazeres domésticos e tudo o que todos fazem no seu dia a dia, eu também faço constantemente.
Mas, hoje em dia, acredito que 50% das coisas que antes poderíamos realizar somente saindo de casa podemos fazer pela internet, por exemplo, serviços bancários, procurar emprego (um modo muito eficaz de visar oportunidades, segundo entrevistas e pesquisas realizadas por sites de R&S. Exemplo no link no final do texto), enfim, estar sempre atualizado com o que acontece no mundo pela internet é um modo muito mais confiável do que pela televisão, afinal temos total acesso a todas as notícias em suas diversas versões, não somente em um canal ou outro.

Eu tenho sim a internet como uma ferramenta do meu dia a dia e o facebook como um acréscimo, pois existem muitas utilidades neste e em outros sites, como descrito na entrevista do link abaixo.
Para ser alguém bem informado é necessário estar acessível às informações, e como uma pessoa cristã, estar acessível a quem precisar a qualquer momento.




Segue link abaixo como exemplo.
http://noticias.r7.com/economia/noticias/redes-sociais-viram-febre-na-busca-por-emprego-saiba-como-encontrar-a-sua-20911111.html?question=0





domingo, 19 de agosto de 2012

Essa escolha


"Mas também por nós, a quem será tomado em conta, os que cremos naquele que dentre os mortos ressuscitou a Jesus nosso Senhor;
O qual por nossos pecados foi entregue, e ressuscitou para nossa justificação. "Romanos 4:24-25


Essa foi a escolha de Jesus, morrer por nós.
Ele escolheu a nossa vida ao invés da dEle, Ele escolheu nos abraçar através de seu sofrimento, mesmo sendo nós ainda pecadores, Ele nos amou primeiro.

O único homem Santo que escolheu viver por nós e morrer por nós, se dispondo a dor, humilhação, por aqueles que causavam a dor em seu corpo e te humilhavam.
Se dispondo a ter o seu corpo dilacerado por chicotes pela vida daqueles que O chicoteavam.
Se dispondo a ser pregado numa cruz como ladrão, sendo Ele Santo, pela vida daqueles que o pregavam, que o condenaram a cruz, que o trocaram por um ladrão de verdade que nada poderia fazer por eles.

Ele escolheu nos dar a vida, Ele escolheu nos dar livre acesso, Ele escolheu nos amar primeiro enquanto nós escolhemos o mandar para uma cruz.

Agora eu pergunto:
O que significa a cruz para você?
O que você tem escolhido na sua vida, no seu dia a dia?
Você tem O abraçado como Ele te abraçou no dia em que parou céus e terra e desceu ao inferno para roubar as chaves da sua prisão e te libertar?

Por nosso pecados Ele foi entregue, e ressuscitou para a nossa justificação, quer dizer, além de ter sido enviado para a cruz por nossos pecados serem maiores que nosso amor, ainda nos amou de tal maneira, de tal forma que voltou para nossa justificação.
O que Ele viu em nós? O que nós temos visto nEle? Nós temos visto Ele?

Por causa dEle eu e você estamos aqui, e aí, como temos manifestado nossa gratidão?
Será que é Ele que precisa de nós ao ponto de nos acharmos bons o bastante ao ponto de dizer "agora não", "tô curtindo agora depois eu penso em Deus", quem será que precisa mais, Ele de você ou você dEle?

O que temos escolhido? O que nos tem feito felizes? Será que estamos felizes com nossas escolhas?
Pensemos, Ele nos abraçou através da sua vida, escolheu nos amar primeiro e nos dar a nossa vida, por amor dEle estamos aqui, e aí, será que a ilusão e as decepções deste mundo são mais legais que isso?
Ou será que o nível que atingimos tá bom, rasinho para não se afogar, ou para não ter que nadar e se cansar...
Enfim, onde enterramos o nosso primeiro amor?







sábado, 18 de agosto de 2012

"Aceitai ao que é fraco na fé, mas não para discutir sobre opiniões." Rm 14

A palavra de Deus é para ser ministrada com Amor e tolerância, e não para ser usada como arma de opiniões formadas em discussões sem fundamento.
Quando os seus pedidos forem atendidos, torne o tempo da gratidão equivalente ao da persistência em pedir.

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

"Pressão" ter ou não ter?



Quantas vezes ouvimos a pergunta: "Como você reage sob pressão?"
Esse é um assunto bem relativo, mas como eu estou aqui para dar a minha opinião, vamos lá!

Ouvi uma vez uma pessoa dizer que "Pressão gera crescimento", pois bem, eu acredito sim nessa teoria, até porque já vi acontecer na prática, mas existem algumas observações aí, por exemplo, neste caso que eu vi pessoalmente acontecer, quem estava sob pressão era alguém errante, que insistia em fazer tudo do jeito mais difícil e errado, que tem o perfil "preciso de um empurrãozinho", ou seja, ajudou e muito no crescimento e caráter desta. Neste caso a pressão é bem-vinda e gera crescimento sim, porque está sendo executada de maneira correta sobre quem precisa dela realmente.

Uma outra forma de enxergar a pressão é generalizada, ou seja, funcionário pressionado gera resultados, independente de sua personalidade ou perfil, a pressão o ajuda a ser mais ágil e exercer mais atividades ao mesmo tempo.
Bom, neste caso, você já deve imaginar que eu descordo, afinal, toda decisão generalizada deve ser tomada com cuidado pois cada um é diferente do outro e cada um agirá de uma forma.
A pressão diária, constante e generalizada é nada menos do que uma necessidade desesperadora por resultados.
Sabemos, como colaboradores, que cada cargo tem sua responsabilidade e cada superior cobra a sua equipe pois também é cobrado pelo seu superior, que por sua vez também é cobrado, etc.
Nesta hierarquia infelizmente acontece muito o abuso de cobrança que passa de superior para equipe, isso pode acontecer por diversos motivos, um deles é a necessidade de mostrar serviço, outras vezes é a empresa que realmente precisa de resultados, enfim, uma infinidade de motivos estão ao redor desse assunto.
Mas quero falar a respeito da pressão. Bom, mesmo que realmente haja uma necessidade por resultados (sempre há) ou que seja a forma com que o empregador trabalha com sua equipe, eu acredito que uma equipe pode render muito mais quando trabalhando em conjunto, esperando uns pelos outros, agindo de forma organizada e resolvendo com agilidade, porém com calma e segurança todos os problemas que ocorrerem durante o período de expediente.
Com certeza, sempre haverá momentos de correria, porém, a melhor forma de tudo ser devidamente resolvido e ocorrer no tempo adequado tanto para cliente como para empresa é oferecendo um bom treinamento a equipe, de acordo com as atividades que forem realizar. Todos os colaboradores tem que ter ciência de uma equipe é uma máquina que só funciona perfeitamente se todas as engrenagens estiverem de acordo, encaixando umas nas outras, que não é necessário serem colocados sob pressão, mais que a sua função ali é gerar resultados e designar tudo o que foi proposto de maneira competente e plenamente satisfatória, independente do cargo ou status.
Desta forma, não será necessária a pressão constante, e tudo poderá se resolver de forma bem simples, com diálogo, porque liderar é saber dialogar, não somente cobrar, isso não é liderança é chefia.

Caso o colaborador seja como o fato que eu citei acima, esteja agindo errado de maneira oposta a visão da equipe, deve-se haver diálogo, afinal, por algum motivo ele está agindo desta maneira, ou como já dito, só precise de "um empurrãozinho". Depois o superior agirá de acordo com sua experiência e relatará sua decisão.

Bom, a respeito de você, caro leitor, eu não sei qual a sua opinião sobre o assunto "Pressão ter ou não ter", mais estou a disposição para saber, caso queira comentar fique a vontade.
Deixo mais uma vez claro aqui que este blog diz somente relatos a respeito da minha opinião sobre assuntos que vejo, ouço e vivo.

Obrigada por ter exercido sua paciência de ler até o final.


Atenciosamente,

Camila Souza.

Escutando o que Deus fala...

16/Ago/2012  01:18am.

Romanos 12:12

"Alegrai-vos na esperança, sede pacientes na tribulação, perseverai na oração."

A bíblia diz que A alegria do Senhor é a nossa força, portanto todo tipo de alegria que não procede dEle só nos torna fracos.
Esse mundo constantemente nos oferece alegrias de ilusão, passageiras, portanto estas não procedem do Pai e tem o poder de nos enfraquecer, já que a alegria que vem dEle é que nos fortalece.

Contudo, se a alegria do Senhor é a nossa força, quando nos alegramos também enxergamos a esperança e nos alegramos nela, pois a alegria do Pai é verdadeira e não passa.
Ser paciente na tribulação...Mas como fazer isso? Ta tenso o que eu estou passando, são afrontas e tempestades...
Bom, primeiro, não há vencedor nem vitória sem que ninguém lute, segundo, afrontas e tempestades são necessárias para o crescimento do caráter, para a morte de nós mesmos.
Quando somos afrontados quer dizer que algo em nós está errado que não estamos no pensamento de Deus, aí é hora de parar e pensar (gesto de paciência) e fazer diferente. Depois da tempestade sempre há um lindo arco íris, um sol resplandescente, fora que saber passar por ela descansando no Pai é saber dançar na chuva né...
Por último, se Paulo disse que é possível ter paciência nas tribulações é porque é!
O cara foi afrontado, humilhado, preso, torturado, só porque pregava a palavra de Deus, e este mesmo cara diz para termos paciência, é só parar e pensar um pouco.

Paciência é o ato de não se irar, nem se revoltar, mas saber esperar, porém, não confunda ter paciência com se acomodar ok!
Ser paciente, buscar respostas em Deus, sermos calmos e mansos como a bíblia diz a respeito dos frutos do Espírito (gálatas 5).
Tanto que logo após ele diz, perseverai na oração, ou seja, paciência é o ato de esperar, pensar e agir, perseverando em oração, que é nada menos a junção de duas palavras: ORAR+AÇÃO = ORAÇÃO.

Logo, nos regozijando na alegria do Senhor somos fortes e nos alegramos também na esperança que vem ao vermos que esta alegria nos fortalece e não passa.
Sermos pacientes, esperando, sendo calmos, mansos e praticando ações, orando sem cessar, perseverando em oração, que é o ato de orar e agir, conforme o que O Pai disser, tudo isso, são maneiras de obedecer a palavra e nos tornarmos como diz em Romanos 8:37, "mais que vencedores por aquele que nos amou".

mais adiante vemos Paulo dizendo para tomarmos parte nas necessidades dos santos, sermos hospitaleiros, abençoarmos a aqueles que nos perseguem... e por aí vai.

São estas todas as ações que devem ser praticadas quando estamos na tribulação, nos alegrando, sendo pacientes e orando.
Estas e muitas outras atitudes que são citadas na bíblia que se referem a sermos sacrifício vivo, santo e agradável ao Senhor, pois só nEle encontraremos o que realmente precisamos.
Porque Dele, por Ele e para Ele são todas as coisas. Rm 11:36.

terça-feira, 14 de agosto de 2012

A morte

A morte aproxima as pessoas.
Isso mesmo, você não leu errado, a morte aproxima as pessoas, umas a tanto tempo longe de outras, que só são capazes de se reaproximarem por esse motivo, a morte!
Quantas vezes já nos deparamos com a família inteira reunida em um velório de um ente querido, quantas vezes já vimos acontecer reconciliações, fatos que pareciam impossíveis de acontecer virem a se tornarem realidade por causa da morte...
E o que isso tem a ver comigo? O que eu posso aprender com esse assunto de morte?
Da mesma forma que a morte do corpo físico, de uma forma triste, nos permite viver experiências impossíveis, assim também a morte para nós mesmos nos permite viver em novidade de vida.
A Bíblia diz em Romanos 6:4 que fomos sepultados com Ele em sua morte, e assim como Ele ressuscitou também vivamos em novidade de vida.
Não esperemos pois a morte do corpo físico acontecer para podemos ver o impossível acontecer, para nos aproximarmos de Deus, mais como Cristo morreu na cruz por nós, também morramos como Ele para nós mesmos, e esta morte é uma morte como qualquer outra, pois não é fácil, significa morrer para o pecado que é nada menos do que renunciar á aquilo que achamos ser bom, mas que na verdade é simplesmente a satisfação da nossa carne, e quem satisfaz sua carne não pode agradar a Deus (Rm 8:8).
Morramos então para o pecado assim como Jesus morreu por nossos pecados, sejamos crucificados como Ele e ressuscitemos para a vida de Cristo, como Ele ressuscitou e vive a direita do Pai, vivendo em novidade de vida, não mais pela nossa carne mais como um corpo instrumento de Deus, e sejamos cheios do Espírito Santo, permitindo assim que nos reconciliemos com O Pai e vivamos o impossível.
Assim como a morte física dói mais tem o poder de aproximar as pessoas assim é a nossa morte para nós mesmos, dói, pois a renuncia é necessária dia a dia, no momento em que deixamos de nos apegar nas coisas deste mundo e nos tornamos completamente dependente do Pai.
A diferença entre a morte física e espiritual, é que a morte física sempre vai deixar saudades de quem se foi, e a morte espiritual não, pelo contrário, tendo morrido para nós mesmos, para o pecado, mesmo com a dor da renúncia, não haverá vestígio nenhum de saudade do velho homem, pois viveremos em novidade de vida, e quem está a nossa volta verá o quanto isso é bom, e desejará também essa nova vida em Cristo.
Pois, quando vivemos para Cristo, vencemos a morte como Ele mesmo venceu ao ressuscitar, e não tememos mais a ela, pois sabemos que como Cristo está a direita do Pai, assim também estaremos quando a morte física vier, sendo ela lucro, pois poderemos viver em alegria eterna nos braços do Pai.
"Porque para mim o viver é Cristo, e o morrer é ganho. "  Filipenses 1:2

Vivamos, pois como Cristo, sejamos crucificados para o pecado, morramos para nós mesmos e ressuscitamos como Ele ressuscitou  e está a direita do Pai, vivamos em novidade de vida e nosso corpo como instrumento, para que quando o tempo aqui nesta terra acabar, possamos estar felizes em ir para O Pai e viver em alegria eterna.


Para estudar melhor leia Romanos do 5 em diante.







segunda-feira, 13 de agosto de 2012

Para onde iremos?

O que buscamos nessa vida?
O que realmente queremos e atrás do que corremos nesta terra?
Alguém já parou pra pensar que nada, absolutamente nada nesse mundo é para sempre, que tudo o que fazemos aqui vai somente até o cemitério?
Não é legal falar sobre morte não é, cemitério, caixão...é "muito forte" esse assunto.
Eu concordo que é desagradável e pra muitas pessoas é triste relembrar, porém, é um fato que temos que ter certeza nesta vida, de que vamos morrer!
A morte não tem hora, dia, idade, cor, status, ela simplesmente vem, e aí, quando ela vir, o que já fizemos já será o suficiente?
Ninguém fez o suficiente antes de morrer, sempre poderia ter feito algo mais, vivido mais, mas o que eu realmente quero dizer é que quando ela vir, o que será depois?
Uns acreditam em céu e inferno, outros não, eu, porém, acredito na Bíblia, e lá fala sobre o céu onde não haverá dores nem choro, mas alegria eterna e o inferno onde haverá dor eterna.
Quem realmente é merecedor do céu e do inferno?
O que eu posso responder é que só Deus pode julgar, essa resposta só Ele pode dar, mas esse é outro assunto, o que quero enfatizar aqui é o fato de que de nada adianta ganhar o mundo todo e perder a própria alma.
Já que essa vida é passageira, estamos aqui só á passeio, há mais vida depois disso tudo, e o que nós temos buscado? Riqueza? Reconhecimentos? Popularidade? Poder?
No que isso vai influenciar nossa salvação? Será que realmente precisamos disso tudo para viver?
E depois, quando a morte chegar, o que levaremos? O que deixaremos de exemplo?
Nosso corpo é como um carro, quando nasce é novinho sem nenhum erro, depois vai crescendo e vai dando defeito, vamos constantemente ao mecânico que é o médico, fazemos manutenção para não pifar de vez, mas e a manutenção da alma, será que estamos nos preocupando com isso?
Afinal, é ela que vamos ter que apresentar depois dessa vida, e nela terá que existir Salvação, para isso é necessária a manutenção com idas constantemente a igreja, buscar ao Médico dos médicos, dobrando os joelhos e buscando concerto para que ela não se perca.
Será que temos feito isso constantemente e regularmente?
Eu acho bom todos nós começarmos a nos conformar que nada dura para sempre aqui neste mundo, nada mesmo, que um dia isso tudo vai ficar para trás e as pessoas poderão nos levar somente até a cova aberta e depois de uns anos pisarão em nossos sepulcros secos e esquecidos.
E onde estaremos? Será que buscamos saber essa resposta?
Não há saída para a morte, portanto, a única saída é saber para onde vamos para que possamos estar em paz sabendo que um dia nos encontraremos com o Pai e viveremos em alegria eterna.


sexta-feira, 10 de agosto de 2012

"Procurar emprego" ou "oferecer ajuda e soluções?"


Ninguém deveria "procurar emprego" e sim "oferecer ajuda e soluções", afinal, somos pessoas capazes de colaborar com o crescimento da empresa, é uma parceria, eu faço o meu trabalho com competência, contribuo para o crescimento e lucros da empresa e sou retribuída através do salário e benefícios.
Porém, nem sempre é o que acontece, empresas menosprezam talentos e colaboradores menosprezam seus empregadores.

O maior vilão é com certeza a falta de diálogo entre empregado e empregador, afinal, qual empresa que não quer crescer e qual funcionário que não deseja um futuro promissor não é mesmo?
A ausência do diálogo e feedback entre empregadores e funcionários acaba criando um ambiente desfavorável ao crescimento da empresa,o funcionário, por sua vez, encontra dificuldades de desempenho ou alega não ter motivação para trabalhar ali.
A questão pode ter várias respostas, a empresa e o colaborador podem não estar na mesma visão, causando com a falta de diálogo um transtorno desnecessário, pois um bom líder conversa com seus colaboradores, pergunta a respeito do trabalho mesmo já tendo percebido o que está acontecendo.
Ás vezes o colaborador pode ter visões e ideias diferentes, mas que seriam inovadoras para o crescimento da empresa, e mais, uma ideia inovadora é muito melhor designada pelo seu idealizador do que por terceiros, afinal, só ele sabe o que realmente está pensando.
Portanto, é sempre Imprescindível uma boa conversa antes de qualquer atitude radical.
Logo, entre a empresa, o empregador e o colaborador tem que haver uma parceria, cada qual desempenhando a sua função para que haja resultados e ambas as partes ganhe com isso.

Enfim, voltando ao assunto de procurar emprego, todos sabemos que o mercado está abarrotado de pessoas capacitadas e graduadas em busca de oportunidades, por esse motivo as empresas tem escolhido seus colaboradores, através de critérios avaliados como grau de escolaridade, capacitação, tempo de experiência, entre outros.
Dessa forma, os desempregados (não é uma palavra muito agradável, porém a mais verdadeira) tem enfrentado a triste realidade de procurar emprego, ao invés de oferecer ajuda e soluções por sua competência, tem se fadigado para encontrar um emprego rotineiro, muitas vezes de finais de semana para conseguirem concluir seus estudos e alcançarem seus objetivos profissionais e consequentemente pessoais.
Não, eu não tenho nada contra quem trabalha de final de semana, já o fiz muitas vezes, e como também estou na lista dos "aptos ao mercado de trabalho", também topo se a oportunidade for boa e me proporcionar a chance de concluir minha graduação e realização profissional, mas todos hão de concordar que é cansativo, dependendo do volume, destrutivo para a mente, o coração e o corpo, afinal até Deus descansou depois de criar o mundo.

Portanto, concluo minha reflexão dizendo que ainda encontraremos muitos erros neste mundo profissional e estamos sujeitos a errar sempre, afinal só não erra quem não tenta, não erra mais também não consegue, e pior que errar é ficar na dúvida se teria conseguido ou não.
Diálogo é sempre um bom começo para resolução de problemas. Parceria é ter a ciência de que a empresa precisa do meu trabalho para o seu crescimento e o empregador também faz parte disso e precisa do meu trabalho competente para que o dele também seja, da mesma forma que o empregador precisa ter ciência que o colaborador está ali para colaborar, ser parceiro, independente do cargo e se algo estiver errado o melhor remédio é conversar antes de qualquer decisão precipitada.

Por enquanto é só...


Respostas

Bom, começando bem, quero falar a respeito de 2 lições que tenho aprendido dia a dia.
Uma delas eu ouvi da minha líder de célula Priscila Alexandre que é a seguinte: Nunca crie expectativas em pessoas.
Confesso que continuei criando mesmo depois de ter ouvido o conselho, e isso também falou comigo...
Como nós, seres humanos podemos ser tão ignorantes ao ponto de seguir um conselho somente depois que já fizemos o contrário e obviamente deu errado.
Como podemos ser tão orgulhosos ao ponto de querer comparar nossa experiência de leigos com pessoas que já foram pra onde queremos ir e já estão voltando, ao ponto de acharmos interessante nos arriscar tirando nossas próprias conclusões, já sabendo qual será o resultado final.

É, não é muito fácil amadurecer, ainda mais quando se é necessário buscar oportunidades e responsabilidades. Mais tantas coisas são consequências do "acaso" né, então, o que seria do mundo e dos fatos se seguíssemos todos os conselhos sem hesitar, qual seria a graça do aprendizado, o que seria da moral da história?

Eu não acredito em acasos, acredito que tudo acontece com um propósito, e é isso o que faz as pessoas otimistas, pessimistas, doces, amargas...
O simples fato de como reagiram as consequências, de como entenderam a situação, se entenderam ou se perguntam porquê todas as noites antes de dormir...
Eu só tenho uma resposta: Deus, só Ele pode me dar todas as respostas!

Enfim, sobre o conselho, eu aprendi sim, mais acontece que já havia depositado minhas expectativas nas pessoas, e como voltar atrás, o mais fácil foi esperar pela decepção.
Aconteceu, não foi tão dramático, afinal, minha Prici avisou e eu já estava preparada, mais sempre dói...

Dessa forma eu ainda estou aprendendo a não esperar das pessoas o que eu faria por elas e continuo a fazer, mais sem esperar, simples e exclusivamente por amor, por amar.

A segunda lição ou conselho que eu aprendi foi diretamente do Trono. Deus falou comigo e me relembrou de uma palavra que já tinha falado ao meu coração dessa forma: Pra que pedir coisas, se humilhar pedindo e pedindo aos homens se EU, O Seu DEUS sou Dono dos céus e da Terra? Peça somente a Mim, aos demais, farão o que EU ordenar que façam.

Então, eu me liguei, muita vezes nós passamos por momentos difíceis, e esquecemos da Grandeza de Deus, como diz meu amigo Thalles Roberto na música Deus do impossível, nós pensamos que o nosso problema é grande...
Aí agimos de forma ansiosa, e a ansiedade é nada menos que deixar de confiar em Deus, então começamos pedir, pedimos às vezes "brincando", mas sempre com verdade, nem que seja apenas um fundinho, mais sempre com verdade.
Eu mesma, pedi emprego, pedi dinheiro, pedi roupas, enfim, já pedi muitas coisas, não por ser miserável, pelo contrário, Deus nunca me deixou faltar nada pela sua infinita Misericórdia, mas infelizmente é muito difícil o ser humano se contentar com o que tem.
Bom, resumindo, com a petição eu acabei criando expectativas, porque sei que existem amigos que querem nos ajudar, que querem nos abençoar, mas eles são pessoas, e pessoas falham, e isso é inevitável, portanto, vem a decepção por criar expectativas em pessoas por causa da petição que gerou uma falsa esperança...ufa...
Entendendo a confusão: nós pedimos, as pessoas querendo noa ajudar não dizem que não, daí criamos expectativas nelas e nos frustramos porque jamais devemos criar expectativas em pessoas.

Então:
Lição 1 - Nunca crie expectativas nas pessoas,
Lição 2 - Não peça nada a ninguém, peça a Deus que Ele é fiel e justo para te dar. Nem os pássaros ele deixa padecer, quanto mais um filho amado.


Nossa confiança, nossa expectativa, nossa esperança precisa estar só em Deus, somente no Pai.
Dessa forma, Deus continua falando comigo e esse com certeza é o melhor presente que eu poderia receber do meu Amado!

Por enquanto é só...

terça-feira, 7 de agosto de 2012

Indico!!!

Galera!

Vai aí uma indicação de um vídeo a respeito de uma mensagem ministrada na Universidade Mackenzie SP.

Um vídeo inteligente e perfeito pra edificação, Não desperdice sua vida!

http://naomordamaca.com/2012/07/31/john-piper-nao-desperdice-sua-vida/


quinta-feira, 2 de agosto de 2012

E Deus me pergunta: Você está preparada?

Ultimamente Deus tem falado particularmente comigo, pela Sua infinita misericórdia, e hoje Ele trouxe até mim uma pessoa com problemas para que eu pudesse ajudá-la de alguma forma.
Eu conversei, orei, fiz o que Ele mandou, mais sabe aquela sensação de "poderia ter feito mais, só não sei o que"...
Foi aí que Ele falou comigo.
Às vezes somos pegos de surpresa, como neste caso, porém a palavra diz que "A criação anseia pela manifestação dos filhos de Deus", então o negócio é mais intenso.
Não é que somos pegos de surpresa, é que não entendemos essa palavra, não entendemos que temos que andar constantemente em comunhão com o Pai e buscando a sua Palavra. Já que a criação, ou seja, TUDO O QUE FOI CRIADO NESTE MUNDO, anseia, precisa e espera pela manifestação dos filhos de Deus, ou seja NÓS cristãos, o nosso dever é simplesmente estar preparado!
A manifestação nada mais é ser A LUZ DO MUNDO e o SAL DA TERRA. Levar paz aonde não há, amor que quer dizer CARIDADE, ou seja, o ATO, ATITUDE de amar seja quem for, a alegria, tudo isso através da Vida de DEUS que está em nós e precisa crescer a cada dia na luta contra o pecado e na busca constante por mais de Deus.
Vamos ser SHENON de JESUS e cegar os olhos do capiroto e é isso!


Camila Souza

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

A PALAVRA É: INDIGNAÇÃO!

Nas redes sociais, na vida social, socialmente ou virtualmente vimos tanto EU, EU, EU...
É tanta postagem "mascarando" a realidade, muito humor e pouca verdade!
É Deus pra lá, Deus pra cá, mas ter atitude de Cristão ninguém quer, são tantos os textos e reflexões sobre a vida, sobre o modo de agir, de viver, como se ja tivessem vivido de tudo, como se fossem muito sábios ao ponto de criar textos em cima de fotos tocantes para expressar sua grande sabedoria!
EU APRENDI, EU PRECISO, EU VIVI....
Agora vou mostrar uma realidade que talvez muitos não tenham ou não queiram ver, fatos que talvez possam chocar ao ponto de não acharem cômodo deixar suas próprias vidas sábias e distintas para prestar um pouco mais de atenção!

Só pra deixar claro, você que está aí na frente do computador, você que acha que sabe tudo da vida e ama postar assuntos relacionados a Deus, EXISTE UM MUNDO LÁ FORA, existem pessoas que precisam de muito mais do que anseio por conforto, por dinheiro ou bens que a "Grande mídia" diz ser essenciais.
Isso mesmo, existe MUITO MAIS do que isso.
Existem pessoas com necessidade de CARINHO, ATENÇÃO, para que simplesmente não MORRAM esquecidas!

Estas não têm a infância que você teve, e estes são como você ficará alguem dia, se tiver a capacidade de chegar a idade deles.



Talvez isso seja muito chocante para algumas pessoas ou até cause revolta em outras, mais essa não é a intenção deste post.
O objetivo é abrir os olhos do MUNDO, principalmente de quem os fecha porque se preocupam mais em satisfazer os anseios de sua vida medíocre de dia a dia.
Se te choca, se te revolta ou te da raiva, faça algo para ajudar, não fique apenas aí se remoendo no sofá, cada um tem a sua arma nas mãos, e não estou falando de calíbre 38, nem metralhadora, estou falando de armas muito mais poderosas, como a COMUNICAÇÃO, A BOCA.
Ao invés de ficar usando seu tempo com palhaçadas e postando humor ignorante, se manifeste, aja para que outros também ajam.
Infelizmente no Brasil não temos muitos mecanismos que podem acabar de vez com os maus tratos, porém temos nossa boca, o pouco de inteligência que a mídia ainda não nos tirou com suas músicas e programas de "Escola de burrice".
Pelo menos uma vez, ajamos a favor do próximo, tem muita gente aí fora precisando apenas de um incentivo, eu estou usando as armas que tenho, use você também, porém sem gerar mais violência!

A palavra é: INCONFORMADOS!




LinkWithin

Espalhe por aí